Durante os preparativos do casamento, tudo são flores, até o momento de fazer a temida lista de convidados. Por mais que os noivos adiem esse momento, não adianta, uma hora ou outra eles terão que enfrentá-lo. Rsrs! Esse desafio se intensifica quando o objetivo é fazer um casamento para um número seleto de convidados, ou um mini wedding. Como decidir quem entra e quem sai da lista? Eis a questão! A gente te ensina como fazer uma lista de convidados para casamento (quase) sem estresse!

O mais indicado é que essa seja a primeira tarefa que os noivos devem concluir, pois será com base nesta lista que todas as outras decisões serão tomadas, como o espaço do casamento, buffet, papelaria (convites), lembranças e por aí vai.

arte lista de convidados inspire brides

Como lidar com as expectativas da família?

Se é o sonho de vocês que este dia seja mais íntimo, assim deve ser. Infelizmente, muitas pessoas terão que ficar de fora da lista. E, com isso, muitos questionamentos surgirão, geralmente, por parte dos pais. Quando os questionamentos acontecerem, a melhor e única saída é explicar a decisão de vocês, com amor e paciência. Estejam preparados para isso, pois esse conceito de casamento pequeno é muito recente. Antigamente, era costume e “de bom tom” convidar toda a família, amigos, parentes distantes, vizinhos… e por aí vai. Rs!

E se 0s noivos têm um círculo social grande?

É possível, sim, fazer um mini wedding, mesmo que suas famílias sejam grandes e que vocês tenham muitos amigos. Basta terem pulso firme e estarem seguros sobre essa decisão. (Oi? E isso lá é fácil? Rsrs!)

Por onde começar?

Liste, primeiro, a família direta: avós, pais, irmãos, cunhados e sobrinhos. Depois, passe para os tios de primeiro grau (irmãos de seus pais) e primos solteiros que moram com os seus tios; os próximos são os amigos íntimos, aqueles que são mais chegados que irmãos, sabe? Geralmente esses amigos entram na lista de padrinhos, rs. Até aqui, normalmente, se estabelece um mini wedding.

Quem mais pode entrar na lista?

Depois dos amigos mais íntimos, os próximos a entrarem na lista são os primos casados, passando para colegas de convívio diário e, por fim, familiares mais distantes. Tudo, a depender da quantidade de convidados que vocês estabeleceram.

Devo convidar os colegas de trabalho?

Uma dica em relação aos colegas de trabalho é: se você trabalha em uma grande empresa, convide apenas os colegas mais próximos, aqueles com quem vocês têm uma relação fora do ambiente de trabalho, ou seja, os mais chegados mesmo. Já, se for uma pequena empresa, o mais indicado é convidar todos, ou então ninguém, para que não haja melindres. E, se porventura, não for convidar ninguém, evite falar detalhes sobre o casamento no ambiente de trabalho, ok?

Esquecendo alguém?

Outro detalhe importante, no momento de listar os nomes não se esqueça de incluir possíveis acompanhantes, principalmente para os convidados solteiros.

Risque esse item do seu checklist!

Se vocês ainda não definiram a lista de convidados, não adiem mais! Tirem um final de semana que seja tranquilo para os dois e comecem, seguindo a ordem de prioridade para vocês. Aos pouquinhos tudo vai se ajeitando. Ah! Neste link você encontra o nosso checklist completinho para a organização do casamento, que, sem dúvida, será uma mão na roda! 🙂

Quem aí vai aproveitar o feriadão do Carnaval para adiantar os preparativos para o casório, hein? Hehe! 😉

Vocês acharam essas dicas úteis? Têm mais sugestões para acrescentar?

{Arte: Inspire Blog | Foto:  Shay Cochrane}